Notícias

PRESENTÃO HOJE (26/05): CAIXA e INSS se unem para pagar R$2.118,00 e R$1.176,68 e brasileiros com o CPF final 0,1,4,7,2,5,6,3,8 e 9 pulam de felicidade ainda em MAIO

Compartilhe:

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) acaba de anunciar uma notícia empolgante para milhões de segurados da Previdência Social em todo o Brasil. Trata-se do pagamento antecipado do 13º salário, que chegará a um valor expressivo de R$ 2.118 para uma grande parcela de contribuintes.

Antes de mais nada, é importante destacar que o 13º salário do INSS, também conhecido como abono natalino, é um benefício concedido anualmente a diversos tipos de segurados da Previdência Social. Neste ano de 2024, a expectativa é de que um número ainda maior de contribuintes possa contar com esse pagamento extra.

Dentre os elegíveis, estão:

  • Aposentados
  • Pensionistas
  • Beneficiários do auxílio-doença
  • Beneficiários do auxílio-reclusão
  • Beneficiários do auxílio-acidente
  • Beneficiários do auxílio-doença
  • Beneficiários do salário-maternidade

No entanto, é importante ressaltar que nem todos os segurados do INSS terão direito a esse abono natalino. Aqueles contemplados com o Benefício de Prestação Continuada (BPC-LOAS) e a Renda Mensal Vitalícia (RMV) ficam de fora dessa rodada de pagamentos.

Pagamento de R$2.118,00 no INSS é confirmado

Para aqueles que têm direito ao 13º salário do INSS, o valor a ser recebido dependerá do benefício mensal que cada um já recebe. Nesse sentido, os beneficiários que recebem apenas o salário mínimo (R$ 1.412 em 2024) terão cada parcela do 13º salário no valor de R$ 706,00.

Portanto, somando o valor do 13º salário com a renda mensal, esses segurados chegarão a um total de R$ 2.118,00 em seus pagamentos.

Diferentemente dos anos anteriores, o INSS confirmou a antecipação do pagamento do 13º salário para 2024. Isso significa que os beneficiários começarão a receber o abono natalino já nos meses de abril e maio do próximo ano.

Confira abaixo o calendário atualizado de pagamentos:

  • Primeira parcela: Abril de 2024
  • Segunda parcela: Maio de 2024

Vale ressaltar que a distribuição dos valores iniciará primeiramente para aqueles que recebem apenas o salário mínimo. Em seguida, os demais beneficiários com valores acima do mínimo também terão seus pagamentos liberados.

CAIXA confirma pagamento de R$1.176,68

Além do pagamento de R$2.118 no INSS, a CAIXA confirmou o pagamento de R$1.176,68 para um grupo selecionado de trabalhadores.

O programa PIS/Pasep, destinado a beneficiar os trabalhadores brasileiros, está prestes a liberar um novo lote de pagamentos em 2024. Essa iniciativa vem com uma notícia empolgante: muitos trabalhadores com carteira assinada poderão receber um valor expressivo de até R$ 1.176,60 via PIX.

O valor do abono salarial do PIS/Pasep 2024 varia de acordo com a quantidade de meses trabalhados no ano-base de 2022. O benefício é pago proporcionalmente ao tempo de serviço prestado, com um valor máximo de até R$ 1.412, de acordo com o salário mínimo acordado para o ano em questão.

Confira a tabela abaixo para entender melhor os valores correspondentes:

Quantidade de Meses Trabalhados Valor a Receber
1 mês R$ 117,66
2 meses R$ 235,32
3 meses R$ 352,98
4 meses R$ 470,64
5 meses R$ 588,30
6 meses R$ 705,96
7 meses R$ 823,62
8 meses R$ 941,28
9 meses R$ 1.058,94
10 meses R$ 1.176,60
11 meses R$ 1.294,26
12 meses R$ 1.412,00

É importante ressaltar que períodos de trabalho iguais ou superiores a 15 dias são considerados como 30 dias para efeito do cálculo do abono salarial. Portanto, aqueles que trabalharam por 10 meses podem receber o valor máximo de R$ 1.176,60.

Para ter acesso ao abono salarial do PIS/Pasep em 2024, alguns requisitos precisam ser atendidos. Primeiramente, é necessário ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias durante o ano-base de 2022. Além disso, o salário médio mensal durante esse período não pode ter ultrapassado dois salários mínimos, ou seja, um total de até R$ 2.640.

Outro critério importante é estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, com o primeiro registro na carteira de trabalho até 31 de dezembro de 2017. Essa exigência visa garantir que o trabalhador tenha uma história laboral consolidada.

Também é fundamental que os dados do trabalhador estejam atualizados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do ano-base 2022. Caso contrário, o benefício não poderá ser concedido neste ano, ficando para o próximo.

O pagamento do abono salarial do PIS/Pasep é realizado de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Confira o calendário de pagamentos para o ano de 2024:

Mês de Nascimento Recebem de Recebem até
Janeiro 15 de fevereiro 27 de dezembro
Fevereiro 15 de março 27 de dezembro
Março 15 de abril 27 de dezembro
Abril 15 de abril 27 de dezembro
Maio 15 de maio 27 de dezembro
Junho 15 de maio 27 de dezembro
Julho 17 de junho 27 de dezembro
Agosto 17 de junho 27 de dezembro
Setembro 15 de julho 27 de dezembro
Outubro 15 de julho 27 de dezembro
Novembro 15 de agosto 27 de dezembro
Dezembro 15 de agosto 27 de dezembro

Essa programação de pagamentos visa facilitar a organização financeira dos trabalhadores e garantir que todos possam receber o benefício dentro do prazo estabelecido.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo