Entretenimento

‘Quem sabe o que é sofrer sou eu’

Compartilhe:

Davi no ‘BBB 24’ – Reprodução/ Globo

Davi abriu o coração e fez uma reflexão sobre seu jogo no BBB 24. Em conversa com Isabelle na noite desta quarta-feira, 10/04, ele afirmou que “sofreu” muito no reality,

“Eu sofri aqui dentro e não estou aqui de bobo. Não vim pra tirar férias. Eu vim em busca de um sonho, de fazer uma coisa que acontecer que eu sempre quis na minha vida inteira! Eu sofri muito! Quem sabe o que é sofrer sou eu. Eu posso bater no peito e falar ‘eu sei o que é sofrer’. Eu sei que outras pessoas já sofreram, mas faltam 6 dias pra acabar o jogo e tenho história aqui dentro. Por mais que tenham sido 100 dias, eu tenho história”, iniciou ele.

Em seguida, continuou: “Eu quero chegar à final, quero ser o campeão, mas estou lutando por isso e brigando por isso. É um jogo de julgamento, onde a gente tem que apontar o defeito das pessoas… por mais que doa, é meu jeito de ser. A palavra tava lá, achei viável utilizar e simples e fácil… Não estou sentido, porque vem da minha personalidade ser forte. Tenho uma história de vida sofrida, ralada, já sofri dentro desse programa. Não foi um mar de rosas pra mim. Não está sendo fácil enfrentar Paredão. Tem noção do que é receber 31 votos?”.

“Eu sei a minha história”

Davi reforçou que passou por momentos difíceis após o Sincerão na casa mais vigiada do Brasil. “Já fui muito visado pelas pessoas aqui, já me falaram muitas coisas que eu não queria ouvir. Quantos Sincerões depois minha cabeça ficava explodindo, a termo de eu ter um ‘tareco’ aqui dentro dessa casa? Mas nem por isso eu parei! Eu fui jogar, fui viver… Naquele mesmo que eu ia desistir, que falei que iria embora… você viu que eu tava arrumando minhas coisas para ir embora, mas eu falei ‘não, eu tenho que jogar, tenho que partir para cima porque vim aqui buscar um sonho, uma coisa que pode mudar minha vida’”, disse.

O motorista relatou ter tranquilidade quanto à sua trajetória no BBB 24. “Quando enfrento Paredão e Tadeu pergunta ‘Davi, você tá tranquilo?’, eu falo ‘eu estou tranquilo’. Sabe por que eu estou tranquilo? Porque eu sei a minha história, sei o que construí, sei o que passei. Tive uma trajetória de sofrimento: já jogaram minhas roupas na piscina, já tomei baldada, já tomei ‘pózada’, muita coisa aconteceu… Eu sofri! Várias pessoas vieram pra cima de mim… então eu sofri. Sofri muito!“, declarou o queridinho do público, por fim.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo