Entretenimento

Plano da Unimed crava comunicado anunciando fim de serviço

Compartilhe:

Um dos maiores e mais famosos planos de saúde do Brasil, sem sombra de dúvidas, é a Unimed. Dessa vez, no entanto, falaremos sobre uma unidade da operadora que fez um comunicado cravando o fim de um serviço importante aos clientes.

Segundo informações divulgadas pelo portal ‘Século Diário’, alguns clientes da Unimed Vitória receberam dois boletos de cobrança no mês de fevereiro. O que causou confusão entre os usuários que não sabiam qual boleto deveriam pagar.

Dessa forma, a operadora fez um comunicado informando que a Benevix, administradora de benefícios, não atuaria mais na intermediação da contratação. Entretanto, a empresa, acabou cravando o oposto, reafirmando que o seu contrato com a Unimed continuava em vigor.

Fachada da Unimed – Foto: Reprodução

Assim, diante de toda essa situação, os clientes do plano de Vitória acabaram se deparando com um verdadeiro impasse.

“O boleto novo venceu hoje [quinta, 15] e eu tive que pagar, ontem venceu o da Benevix. Meu medo é a Benevix vir com cobrança depois. Já está tão difícil pagar plano de saúde, e a gente ainda fica nesse fogo cruzado”, disse a farmacêutica Angélica Almeida Mercandeli.

O que aconteceu entre a Unimed e Benevix?

A Unimed Vitória afirmou que os planos coletivos empresariais migraram para um regime de contratação direta com as entidades de classe parceiras Associação Comercial e Empresarial do Espírito Santo (ACE-ES) e Associação do Comércio de Bens e Serviços no Estado do Espírito Santo (ACS-ES).

Entretanto, é válido destacar que, antes que o acordo fosse feito, as entidades decidiram dispensar os serviços da Benevix, como forma de baratear o valor da mensalidade do plano, “diante dos aumentos nos custos da saúde privada no Brasil ao longo dos últimos anos” – conforme nota enviada a Século Diário.

Por meio do seu site, a Benevix publicou uma nota dizendo que: “possui 120 mil clientes atendidos pela Unimed Vitória e está confiante na força desses contratos firmados”. As informações apontam que o contrato da empresa com a Unimed permanece em vigor até junho de 2028, segundo a administradora.

Em nota para Século Diário, a Unimed Vitória informou que, “uma vez que foi encerrado o contrato com a administradora Benevix, qualquer boleto de mensalidade enviado por ela aos clientes é indevido e não deve ser pago. Juntamente com as entidades ACE-ES e ACS-ES, a cooperativa já está acionando judicialmente a administradora para evitar que os beneficiários sejam prejudicados”.

Orientações da Unimed Vitória aos clientes

Sobre eventuais cobranças duplicadas, a Unimed Vitória esclareceu que, uma vez que foi encerrado o contrato com a Benevix para os clientes ligados à ACE-ES e ACS-ES, qualquer boleto de mensalidade enviado pela administradora aos clientes é indevido e não deve ser pago.

Diante da transição, a Unimed informou que “se compromete publicamente a manter ativas as carteirinhas de todos que estejam nessa situação, garantindo, assim, atendimento e cobertura.” Vale destacar que, essa situação afeta somente o plano Unimed Vitória, sendo assim, os demais planos do país não tem alterações.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo