Jon Jones desmente versão de agente de antidoping: “Pouco profissionalismo”

Compartilhe:

Acusado de agressão e ameaça de morte, Jon Jones desmentiu versão contada por agente de antidoping que realizou teste em sua casa

Nos últimos dias, Jon Jones, um dos maiores nomes da história do UFC, se envolveu em uma polêmica fora dos octógonos. Uma representante de uma agência de antidoping visitou o lutador e, após o encontro, registrou um boletim de ocorrência alegando que o norte-americano a agrediu e a ameaçou de morte.

Porém, no relatório divulgado pela Polícia de Albuquerque, Jon Jones negou tudo o que foi dito pela agente. Em sua versão, o lutador contou que apenas proferiu alguns palavrões e insultou os profissionais presentes de forma verbal. De acordo com o atleta, ela inventou essa história após deixar a residência dele.

Jones revelou que houve um momento de estranhamento durante a coleta para o exame, pois o lutador acidentalmente pegou o telefone da funcionária. No entanto, de acordo com ele, o aparelho foi devolvido no balcão, no lugar onde foi encontrado. No relatório policial, o norte-americano confirmou que insultou os presentes, mas negou qualquer tipo de agressão ou ameaça.

O grande motivo do desentendimento foi por conta do timing da coleta, já que Jones foi pego de surpresa pela agência e tinha bebido na noite anterior, na qual comemorou um aniversário. Dessa forma, o lutador realizou o exame contrariado, mas mesmo assim afirmou que colaborou com o processo de acordo com o que o protocolo manda.

Jon Jones comemorando título dos pesos-pesados do UFC (Crédito: Getty Images)
Jon Jones comemorando título dos pesos-pesados do UFC (Crédito: Getty Images)

“Recentemente, fui visitado por testadores enquanto comemorava um aniversário e tirava uma soneca. Ao acordar, fui pego de surpresa pelo pouco profissionalismo e protocolo de um dos testadores, o que causou frustração, levando-me a usar alguns palavrões dos quais me arrependo. Porém, quero enfatizar que em nenhum momento ameacei, fiquei na cara de alguém, levantei a voz para alguém ou me envolvi em qualquer forma de agressão”, publicou Jon Jones em suas redes sociais.


Compartilhe:

Deixe um comentário



© 2024 Intrometendo | Web Stories | Privacidade | Google News | APP (Android)) |