Jogador do Raptors pode ser banido da NBA por envolvimento em apostas

Compartilhe:

A comissário Adam Silver afirmou que Jontay Porter, jogador do Toronto Raptors, poderia ser banido da NBA por envolvimento em apostas. De acordo com a ESPN, o ala-pivô esteve presente em uma série de jogos entre 26 de janeiro e 20 de março. Assim, se tornou alvo de investigação da liga, que proíbe apostas de atletas e colaboradores.

“Eu tenho uma enorme gama de punições disponíveis”, disse Silver. “Mas é um pecado cardinal, o que ele é acusado na NBA, e a opção máxima e extrema que tenho é banir ele do jogo”, seguiu.

“Esse é o nível de autoridade que tenho aqui. Porque não há nada mais sério, eu acredito, em torno desta liga quando se trata de apostas: apostar em nossos jogos. E isso é um envolvimento direto do jogador. E então, a investigação está em curso, mas as consequências poderiam ser muito severas”, completou a respeito.

A primeira suspeita da NBA com o jogador do Raptors surgiu com as apostas do dia 26 de janeiro, em um duelo contra o Los Angeles Clippers. Na época, houve um aumento no interesse nos jogos em que ele marcaria menos de 5.5 pontos, 4.5 rebotes e 1.5 assistência, além de 0.5 acerto nos arremessos de três.

Ao final do embate, então, Porter terminou com apenas quatro minutos. O Raptors, assim, declarou que ele sofreu uma lesão no olho e por isso não jogou mais. Com isso, não marcou, teve três rebotes e apenas uma assistência. Portanto, o under acertou em todas as apostas.

Segundo um relatório da DraftKings Sportsbook, aliás, o under de arremessos de três de Porter foi o que mais beneficiou apostadores no dia.

Leia mais sobre o Raptors!

Já no dia 20 de março, contra o Sacramento Kings, as casas de apostas tinham um over/under de Porter em 7.5 pontos e 5.5 rebotes. O jogador, no entanto, sofreu novo problema e jogou apenas três minutos, sendo que não pontuou e teve apenas dois rebotes. Mais uma vez, então, conforme o relatório, os usuários que apostaram em Porter foram os maiores ganhadores nas casas de apostas.

Os movimentos ligados a Porter, desse modo, levantaram suspeitas da NBA, que tem regras rígidas envolvendo seus membros e as casas de apostas. Afinal, jogadores, funcionários e demais membros da liga são proibidos de apostas em eventos da NBA. As violações, inclusive, podem incluir multas, suspensões e até mesmo rescisões de contratos

Mudanças

Os problemas da NBA com apostas são antigos. O do ex-árbitro Tim Donaghy, por exemplo, é um dos casos mais conhecidos. Desse modo, Silver acredita que é necessário uma regulação federal – não estadual – para controle das apoastas esportivas.

“No final do dia, não há nada mais importante do que a integridade da competição”, disse Silver. “E então, qualquer questão levantada em torno disso é de grande preocupação para mim e para todos os comissários. Novamente, esta é uma indústria em crescimento nos Estados Unidos. Já é legal em outros lugares do mundo há décadas. Há lições a serem aprendidas com a forma como as apostas esportivas são monitoradas e regulamentadas em outras jurisdições”, afirmou.

O comissário, no entanto, não descarta que alterações sejam feitas, à medida que as apostas afetem os esportes.

“E, novamente, acho que à medida que esses exemplos infelizes surgem, podemos ter que ajustar nossas regras e nossas empresas de jogos parceiras e aquelas empresas que não são nossas parceiras também podem ter que ajustar seu comportamento”, finalizou.

Assine o canal intrometendo no Youtube

Todas as informações da NBA estão no canal intrometendo. Análises, estatísticas e dicas. Inscreva-se, mas dê o seu like e ative as notificações para não perder nada do nosso conteúdo.

E quer saber tudo o que acontece na melhor liga de basquete do mundo? Portanto, ative as notificações no canto direito de sua tela e não perca nada.

Então, siga o intrometendo em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA

Compartilhe:

Deixe um comentário



© 2024 Intrometendo | Web Stories | Privacidade | Google News | APP (Android)) |