Concursos

150 vagas confirmadas; banca em breve

Compartilhe:

 

Concurseiros podem se animar ainda mais, pois o novo edital do concurso BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) aumentou o número de vagas previstas. O órgão anunciou que serão abertas 150 oportunidades imediatas além da formação de cadastro reserva.

A seleção pode ser uma grande oportunidade para o órgão aumentar o número de mulheres, negros e pessoas com deficiência (PcD) no seu quadro de pessoal. Isso porque, de acordo com a presidência da instituição, o Banco pretende ampliar a diversidade entre os seus funcionários. A novidade veio cerca de cinco meses após o presidente Aloizio Mercadante confirmar a retomada das seleções para efetivos.

“A diversidade é uma das riquezas do nosso país e queremos vê-la cada vez mais refletida no BNDES e na sociedade. A ampliação da presença feminina em cargos de liderança do banco é um primeiro passo de um movimento maior – interno e externo – neste sentido”, pontuou Mercadante.

Essa será a primeira vez que a entidade realiza um certame em 12 anos. Em razão disso, a expectativa é de que um novo edital saia em breve. Dessa maneira, o momento é ainda mais propício para os candidatos interessados reforçarem os seus estudos.

Para ajudar você a estudar, o intrometendo conta com uma série de dicas na aba de Artigos. Além disso, você pode testar os seus conhecimentos respondendo as questões de simulado gratuitas em nosso site.

Concurso BNDES: situação atual

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social confirmou, em seu site oficial, que o novo edital irá ofertar 150 vagas imediatas. O concurso BNDES também contará com formação de cadastro reserva. O novo número de vagas apresenta um aumento de 56 cargos em relação à primeira previsão. Isso pode ter a ver com a ampliação no quadro de servidores do órgão, que totaliza 2.840 pessoas.

Essa novidade foi anunciada um mês após a confirmação feita pelo diretor Nelson Barbosa em apresentação do balanço semestral da instituição. “O BNDES vai fazer concurso. Nós já começamos o processo internamente. Aprovamos na diretoria a autorização”, pontuou.

Todas as oportunidades do concurso BNDES devem ser para o cargo de Analista, que requer nível superior. No entanto, as áreas específicas, porém, ainda não foram divulgadas. A expectativa é de que a área de Tecnologia da Informação seja a principal contemplada.

Em entrevista ao Canal Livre, da TV Bandeirantes, Mercadante afirmou sobre a intenção de aplicar o concurso BNDES em outubro de 2024. Isso significa que as contratações devem acontecer no início de 2025.

“Em outubro, vamos voltar a fazer concurso porque é necessário. Esta área, por exemplo, de Segurança Cibernética, Tecnologia da Informação e Inteligência Artificial, são fundamentais para o banco se modernizar”, disse o gestor.

Para isso, o órgão precisa criar uma comissão organizadora para determinar os trâmites e, então, contratar uma banca. O processo seletivo para escolher a empresa que ficará responsável pelas etapas já está em andamento e a banca deve ser contratada até o fim do primeiro semestre de 2024.

Concurso BNDES terá cotas para negros e PcD

Em nota divulgada no mês de julho de 2023, o órgão afirmou que está “focado em diversidade e inclusão”. Por isso, para o novo concurso BNDES seriam reservadas 30% das vagas para candidatos negros. De acordo com o Banco, atualmente, o percentual de servidores dentro desse grupo é de apenas 14,6%, “ao passo em que o percentual aproximado desse grupo na sociedade brasileira é de 56,1%”.

O objetivo é corrigir essa disparidade e garantir que pessoas negras tenham acesso às oportunidades dentro da entidade. Além disso, a seleção deve separar ainda 10% das vagas para pessoas com deficiência (PcD), ficando acima do estabelecido pela legislação, que é de apenas 5%. Desse modo, as 94 vagas devem ficar divididas da seguinte maneira:

  • 28 vagas para candidatos negros;
  • 9 vagas para PcD;
  • 57 vagas para ampla concorrência.

“A diversidade e a pluralidade enriquecem as instituições”, afirmou Mercadante sobre as cotas para esses dois grupos. Segundo ele, o novo concurso BNDES servirá não só para suprir as necessidades da instituição, mas também será um avanço para o Banco.

Concurso BNDES: quais serão os cargos?

Ainda não há informações confirmadas sobre quais serão os cargos contemplados pelo certame. O que se sabe até agora é que serão 150 vagas imediatas previstas para cargos de nível superior completo na função de Analistas. Podem ser contempladas as seguintes áreas de atuação:

  • Administração;
  • Análise de Sistemas – Desenvolvimento;
  • Análise de Sistemas – Suporte;
  • Arquitetura;
  • Arquivologia;
  • Biblioteconomia;
  • Ciências Contábeis;
  • Comunicação Social;
  • Direito;
  • Economia;
  • Engenharia;
  • Geologia;
  • Psicologia.

O cargo de Analista conta com remuneração inicial em torno de R$ 20 mil, além do plano de carreira para nível superior. Isso pode aumentar ainda mais o salário dos contratados.

Apesar de não haver confirmação para cargos de nível médio, ainda é possível que esses sejam ofertados. Dentro do órgão, a função que equivale a esse nível de escolaridade é Técnico de Suporte Administrativo. O pagamento previsto é em torno de R$ 4,7 mil, podendo ser elevado conforme o plano de carreira.

Servidores têm benefícios?

Os aprovados e nomeados pelo concurso BNDES podem receber uma série de benefícios. De acordo com editais anteriores, é possível que a nova seleção ofereça:

  • Gratificação de natal;
  • Gratificação de função ou comissão de função;
  • Diárias;
  • Ajuda de Custo;
  • Auxílio-Transporte;
  • Adicional noturno;
  • Hora-extra;
  • Adicional de férias;
  • Vale-refeição;
  • Vale-transporte;
  • Salário-educação;
  • Auxílio-creche;
  • Adiantamento de férias.

Concurso BNDES: como serão as provas?

Apesar de o edital ainda não ter sido lançado, os interessados em participar do certame podem estudar com base no certame anterior. É possível que os candidatos do novo concurso BNDES sejam avaliados por duas etapas escritas, sendo a primeira uma prova objetiva. Essa deverá ser composta por questões de:

  • Língua Portuguesa;
  • Língua Estrangeira;
  • Matemática;
  • Conhecimentos Gerais;
  • Conhecimentos específicos do cargo;
  • Conhecimentos sobre o BNDES.

A segunda etapa deve ser uma prova discursiva, que pode ser aplicada de maneira diferente de acordo com o cargo pleiteado. Nos editais passados, essa fase foi feita da seguinte maneira:

  • Profissional Básico: candidatos tiveram que responder questões discursivas de conhecimentos específicos;
  • Técnico Administrativo: inscritos de nível médio precisaram elaborar uma redação.

Concurso BNDES: último edital é de 2012

Já faz 11 anos que o Banco Nacional não realiza nenhum certame para efetivos. A última vez que um edital foi lançado foi no ano de 2012 e a seleção continuou válida até junho de 2015. Na época, a banca organizadora selecionada para executar o certame foi a Cesgranrio, que registrou:

  • 74.124 inscrições ao cargo de Técnico Administrativo; e
  • 63.865 candidaturas para o cargo de Profissional Básico.

Os salários ofertados foram de R$ 2.925,39 e R$ 9.182,01 respectivamente. O cargo de Técnico Administrativo requeria apenas nível médio. Já Profissional Básico teve oportunidades para quem era graduado nas áreas de:

  • Administração;
  • Análise de Sistemas – Desenvolvimento;
  • Análise de Sistemas – Suporte;
  • Arquitetura;
  • Arquivologia;
  • Biblioteconomia;
  • Comunicação Social;
  • Contabilidade;
  • Direito;
  • Economia;
  • Engenharia; e
  • Psicologia.

Os candidatos do último concurso BNDES foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas.

Sobre o BNDES

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social foi criado no ano de 1952 e atualmente é um dos maiores bancos de desenvolvimento em atuação pelo mundo. A instituição financeira auxiliar o governo federal na execução de suas políticas de financiamento de longo prazo e investimentos em todos os segmentos da economia brasileira.

As principais formas de apoio do BNDES são:

  • Financiamento a investimentos;
  • Apoio para os empreendedores;
  • Subscrição de valores mobiliários;
  • Prestação de garantia e concessão de recursos não reembolsáveis a projetos de caráter social, cultural ou tecnológico.

Além disso, como empresa pública detentora de responsabilidade social, o BNDES contribui no enfrentamento de crises, apresentando soluções para a retomada do crescimento da economia.

Compartilhe esse concurso

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo